Quem somos

*Nasce a primeira rádio no mundo com conteúdo exclusivo de saúde*

A Rádio Viver Bem

Foi divulgado pelo Comitê Gestor da Internet (CGI), no Fórum da Internet do Brasil, que metade da população brasileira ouve músicas e assistem videos pela internet. Entre os entrevistados para a apuração dos dados da pesquisa, 29% das pessoas baixam músicas, 26% publicam textos, fotos ou vídeos de criação própria, 16% fazem download de filmes e 10% baixam séries. Entre 2014 e 2017, o hábito de consumir em tempo real áudio e vídeo (ou streaming, no termo em inglês) aumentou de 2014 até 2017: saiu de cerca de 58% para 71%. Quanto à frequência, o tipo de conteúdo consumido mais comumente é a música: 29% da população ouve todo dia, 16% pelo menos uma vez por semana e 3% uma vez por mês. A pesquisa também perguntou aos entrevistados a origem dos conteúdos consumidos. Do total, 48% ouvem músicas brasileiras e 28%, estrangeiras. Ou seja: o rádio tradicional está perdendo audiência para as plataformas online que são consumidas principalmente via formato mobile (aparelho celular). Pensando nisso, Kelly Gomes e Alexandre Ricarte, conhecidos como o “casal do rádio” na cidade de Fortaleza, resolveram unir o útil ao agradável e abrir sua própria rádio online, via aplicativo e portal. Juntos há alguns anos, Ricarte e Kelly resolveram atingir um nicho que vem abrangendo cada vez mais pessoas: o healthy lifestyle, ou, estilo de vida saudável. A Rádio “Viver Bem” engloba o universo daqueles que procuram levar uma vida em sintonia e fluidez com uma alimentação balanceada, leve e sadia juntamente à exercícios físicos. A ideia se concretizou com a parceria com o Dr Helder Montenegro e as clínicas ITC Vertebral. Um verdadeiro mestre da fisioterapia e do empreendedorismo com as já consagradas franquias da ITC Vertebral em todo o Brasil e também conquistando outros países. A programação musical acompanha a “vibe”, procurando oferecer músicas para o ouvinte tanto relaxar como escutar durante a prática de exercícios, por exemplo. Mas o diferencial principal da iniciativa é: não há pausa. O formato estabelecido na criação da rádio, foi para que os ouvintes não tenham que ouvir minutos de propaganda como geralmente as rádios fazem e que, quase sempre, faz com que o público mude a frequência. Ao invés disso, eles ouvem dicas selecionadíssimas de saúde, assinadas por profissionais de varias especialidades.

Afinal, o que queremos é ouvir música e nos informar para o bem!

Assim, o ouvinte tem acesso a dicas de forma rápida e prática, sem perder o ritmo do musical.

Boa música, informações com qualidade e uma vibe maravilhosa, pois viver bem é tudo o que se quer!

PARCEIROS: